Friday, September 15, 2006

Afanasio Jazadji

Que o deputado e radialista Afanasio Jazadji (PFL-SP), por conta de sua base eleitoral, de direita e extrema-direita, nunca vai poder admitir, mas é extremamente interessado em seguranças. Não estamos falando do tema. O deputado vive preocupado que essa preferência vaze para a imprensa.Mas na Assembléia Legislativa de São Paulo, as más línguas comentam à solta. Para ajudar a blindar sua imagem, volta e meia se esforça em comparecer a programas como o de Luciana Gimenez, onde simula destilar um suposto preconceito contra homossexuais.




Saturday, July 22, 2006

César Tralli

Que o jornalista, casado, César Tralli, teve que abrir mão de freqüentar uma famosa academia de ginástica em São Paulo, após ter sido flagrado com a boca na botija. Ou para ser mais específico, não exatamente na botija. Ele e o, digamos, cúmplice no fato, foram convidados a se retirar da academia. As más línguas que prazerosamente espalham essa história, já foram vítimas da indiscreta câmera do jornalista.

Friday, June 09, 2006

Marlene Mattos

Que um dos casamentos mais sólidos da televisão brasileira, terminou porque a Rainha dos baixinhos queria que a sua baixinha tivesse um “lar normal”. Entenda-se como quiser. Tudo bem que Marlene Mattos sempre foi um pai para Xuxa, mas daí a ser avô para Sasha era demais para a apresentadora. Toda a dedicação de Marlene não comoveu a loira gaúcha. Que também não se comoveu quando largou Ayrton Senna, Pelé e Luciano Szafir...


Ayrton Senna

Que por falar em Ayrton Senna, o maior ídolo brasileiro do automobilismo, sempre teve sua sexualidade questionada por Nelson Piquet ,que o chamava para quem quisesse ouvir de Vi***. Os dois viviam às turras. Para as más línguas, a versão de Piquet é extremada. A verdade seria que em todos os pódios da vida que frequentou, Ayrton sempre preferiu o 1º, ou mais exatamente aquele famoso lugar do meio. Mas, como o ex-governador paulista Orestes Quércia costuma dizer, “em briga de comadres é que se dizem as verdades”











Orestes Quércia

Já que Quércia foi lembrado no último post, não custa render a ele um post inteiro. O ex-governador de São Paulo e cacique do PMDB é natural de Pedregulho-SP e se mudou para Campinas ainda rapazinho. E foi lá que se fez homem. Com trocadilho. Até hoje, o cacique peemedebista, casado e com filhos, mantém acesas as chamas de algumas amizades. Nada o impede porém de eventualmente desfrutar também de novos, ou melhor, novas.

Itamar Franco

Se a política passa por Minas, não é aqui, neste humilde blog, que iríamos por em dúvida essa máxima. Até os peixes do Paranoá sabem que Itamar Franco é... solteiro. Evidentemente, o culpado é o atraso desse País, que não permite aos cidadãos que casem-se com quem queiram. Pois bom, segundo as más línguas mineiras, Itamar seria mais um admirador do tal amor que não se ousa dizer o nome.

Junior Lima

Que a cantora Sandy realmente faz tudo pelo irmão Júnior, que vive tendo que aguentar piadinhas sobre sua orientação sexual. Segundo as más línguas, para livrar a barra do irmão, Sandy teria topado até dizer-se namorada de Paulinho Vilhena. Assim, o galã, à época ainda desconhecido, poderia acompanhar mais a dupla e namorar à vontade seu amorzinho.








Carola Scarpa

Que a ex-condessa Carola Scarpa não teria um motivo para ter terminado ruidosamente o casamento com o conde Chiquinho Scarpa. Na verdade, seriam dois motivos. Ambos fortes e musculosos. Até para Carola, uma legítima “blond ambition”, diante do fato, não havia como manter a linha "blind ambition” e negar-se a ver a cena novelesca. Ali, com Chiquinho no centro das atenções. A princesa, loira, teve um ataque e rapidamente voltou a ser plebéia, abrindo mão de fortuna e uma vida confortável.

José Serra

Que são justíssimas as acusações de que o tucano José Serra não tem amantes. Até porque o ex-ministro da Saúde, segundo as más, submeteria-se periodicamente a visitar uma clínica em São Paulo para tratar de uma certa “disfunção permanente” do qual o tucano sofreria. Só então, sob efeito de medicação, Serra teria direito a uma janela de algumas horas para correr a cometer o mais doce dos pecados.


Miguel Falabella

Que o ator Miguel Falabella, conhecido mordazmente como “Loirá Má”, adora esquecer sua fama de arrogante e relaxar um pouco dando a maior atenção possível aos fãs em suas viagens por todo o Brasil. Principalmente os que têm músculos e idade na faixa dos 20 e poucos anos. Em cada cidade, um ou mais fãs é premiado.


Daniel

O ex-garoto propaganda das cuecas Mash faz muitos shows por todo o Brasil. Línguas comentam que em um desses em uma minúscula cidade, Daniel teria deixado os assessores à beira de um ataque de nervos. Não bastasse a imprensa regional esvoançando em volta, o público histérico no local, o cantor teria se trancado no quarto do hotel e não queria sair de lá de jeito nenhum. Daniel teria preferido fazer um show particular para um fã.


Marta Suplicy

Que a ex-prefeita Marta Suplicy já havia deixado de restringir-se ao chamado convencional em seu casamento com Eduardo Suplicy há muito tempo. Não se trata de abrir mão da moral pequeno-burguesa para viver o romance com o argentino Luís Favre. Durante a campanha eleitoral de Eduardo Suplicy, contra Paulo Maluf em 1992, Marta teria tido um affair com o empresário Abílio Diniz. Após descobrir a traquinagem da mulher, Eduardo, abaladíssimo, tivera que se recolher, ficando quase incomunicável durante mais de uma semana em plena campanha. A cúpula petista teria tido quase uma síncope temendo que a história vazasse. Naquele ano, Suplicy perdeu a disputa pela prefeitura de São Paulo. O episódio já foi sutilmente lembrado por Paulo Maluf em outras campanhas.



Lúcia Veríssimo

Que há alguns anos, em ensaio em casa de irmã de Caetano, Béthánia, havia uma piscina. Um músico, querendo tomar um pouco de ar, teria saído para a área externa e estava sentado tranqüilamente a fumar um cigarro, quando pula na piscina, do jeitinho que veio ao mundo, ninguém menos que a atriz Lúcia Veríssimo. O músico puxou uma cadeira e se pôs a admirar a obra do Criador. Béthánia, muito fina, corajosamente ignorou a nadadora nudista e apenas teria chamado o rapaz para continuar a ensaiar lá dentro.









David Moraes

Que o casamento de Ivete Sangalo com o músico David Moraes - mais ou menos o 312º romance anterior ao atual – terminou por a cantora baiana ter flagrado o então marido Na cama.
Traindo-a. A pergunta
óbvia é “quem era a mulher?” A pergunta não-óbvia é “quem disse que era mulher”? :-O

Ivete Sangalo

Que não se sabe por que exús Ivete tanto insiste em mostrar seus namorados na mídia. Pode até fazer sentido como uma estratégia de marketing. Mas por outro lado seria, segundo algumas línguas, público e notório, que a cantora segue a forte (em diversos sentidos) tradição das cantoras da Música Popular Brasileira. Sendo que nenhuma se daria e esse trabalho.




Ana Paula Padrão

Que a jornalista Ana Paula Padrão, durante o mandato de Fernando Henrique Cardoso, sempre teve um acesso para lá de privilegiado ao Palácio do Planalto. O motivo seria uma relação para lá de amizade entre o ex-presidente e a jornalista.

Tuesday, June 06, 2006

Fernando Henrique

Outra de Fernando Henrique, o Bill Clinton brasileiro. Essa, todo mundo sabe. Foi publicada pela revista Caros Amigos, que infelizmente não tem a repercussão desse blog. :-P O intelectual também teria tido outro romance extra-conjugal com a jornalista Miriam Dutra, também da Globo, que hoje mora em Portugal. Quando soube da notícia, FHC teria sugerido à jornalista fazer aborto. Ela negou e em troca de seu silêncio foi transferida para Portugal, com um gordo salário, é claro.



Boris Casoy

Que o jornalista Boris Casoy também não é lá muito chegado no sexo frágil. Ele prefere rapazes cultos mas também aceita os que cultivam o corpo. Um dos seus bairros preferidos para dirigir sem rumo e espairecer as idéias é a região da Aclimação em São Paulo. Que ninguém ouse dizer que isso é uma vergonha.

Gugu Liberato

Que o sítio do apresentador Gugu Liberato em São Roque no interior de São Paulo sempre foi bastante animado. Liminha e outros amigos de Gugu adorariam convidar amigos jovens para churrascos onde a única carne servida é lingüiça. As festinhas reúnem candidatos a quase-atores, a aparecer no palco e até a cantar “meu pintinho amarelinho...”

Thierry Figueira

Que num belo dia, na bela cidade do Rio de janeiro, num belo prédio de classe média alta, um diretor da Globo entra no elevadore dá de cara com um garotão sarado voltando da praia. Ninguém menos que o ainda não famoso Thierry Figueira. De sungão. Corpo suado. Coxas grossíssimas. Olhos claros cintilando. Hormônios dominando o pequeno espaço do elevador. O diretor, reconhecido especialista em novos talentos, percebeu na hora pelo seu apurado feeling que o garotão tinha talento dramático e poderia ser um grande representante da arte da interpretação. Perguntou apenas: Quer trabalhar na Globo? Pouco tempo depois, Thierry Figueira ficou famoso.

Sunday, January 01, 2006

Reynaldo Gianecchini

Que o galã Reynaldo Gianecchini não namoraria a jornalista Marília Gabriela.O romance seria uma fachada combinada entre os dois para encobrir o verdadeiro amor de Giane: o filho de Gabi. A jornalista teria dado total apoio aos dois e topado a brincadeira para proteger a carreira do, campeão de cartas na Globo.
Outra hipótese comentada é que o casal lucraria com a exposição na imprensa. A idéia não seria nova. É comum artistas, principalmente globais, armarem supostos romances para ganhar capas de revistas e evidência na mídia.
Para Gabi, daria um gás em sua carreira de atriz. Para Gianecchini, daria um gás em sua carreira de galã.
Haja gás.